Cirurgia de Descolamento de Retina

O tratamento de Descolamento de Retina envolve o reposicionamento da retina ao local de origem. No Centro Oftalmológico CIttà, existem vários métodos cirúrgicos para a correção: retinopexia com introflexão escleral, retinopexia pneumática e vitrectomia via pars plana (VVPP). Após a realização de todos os exames, caberá ao oftalmologista decidir a melhor técnica a ser aplicada em seu paciente.

 

Quais são as indicações da cirurgia?

O tratamento do Descolamento de Retina é cirúrgico, salvo raras exceções. Como mencionado acima, o método cirúrgico de escolha dependerá do estágio da doença no momento do exame oftalmológico.

 

Quais são os procedimentos cirúrgicos?

Os mencionados acima (Fotocoagulação à laser, Retinopexia com introflexão escleral, Retinopexia pneumática e Vitrectomia via pars plana).

 

A cirurgia causa dor?

Pode ocorrer algum desconforto no pós-operatório, normalmente suportável. Usualmente são prescritos analgésicos e/ou anti-inflamatórios para ajudar a recuperação.

 

Há algum risco?

Há riscos como em qualquer outro procedimento cirúrgico, no entanto o mais comum é o redescolamento da retina, fato que ocorre em pequena porcentagem dos casos operados.

 

Qual o tempo da cirurgia e da recuperação?

Dependerá do método cirúrgico escolhido. O laser é realizado no consultório com colírio anestésico, levando em torno de 10 minutos e com recuperação imediata. Os procedimentos mais complexos são realizados no centro cirúrgico sob anestesia local e sedação, em média, o tempo cirúrgico é de 1 hora e a recuperação pode se prolongar por 7 a 15 dias, dependendo do caso.

 

Orientações ao paciente:

As orientações no pós-operatório compreendem: repouso, uso correto dos medicamentos prescritos e retorno periódico ao consultório. Às vezes é necessário um repouso específico em determinada posição, normalmente definida pelo médico após a cirurgia.

Curiosidade: pessoas com alta miopia possuem a retina mais frágil e fina, o que aumenta o risco de descolamento de retina.